quarta-feira, 15 de novembro de 2017

"Vamos a uma festa!", um livro de Jeanne Willis com ilustrações de Tony Ross


"Vamos a uma festa!"
Texto de Jeanne Willis e ilustrações de Tony Ross
Editado pela Presença em 2011


Nós vamos a uma festa mascarados, com um fato de fantasia. 
És capaz de adivinhar quem é cada um de nós?
Vem descobrir neste livro tão divertido que fato de fantasia cada animal está a usar. Na última página, tu e até mesmo os animais vão ter uma grande surpresa…

Fonte: contracapa do livro




Livro Recomendado pelo Plano Nacional de Leitura

Obra disponível na rede de Bibliotecas do concelho de Arganil.
Boas Leituras!

terça-feira, 14 de novembro de 2017

"Os figos são para quem passa", um livro de João Gomes de Abreu

"Os figos são para quem passa"
Texto de João Gomes de Abreu e ilustrações de Bernardo P. Carvalho
Editado pelo Planeta Tangerina em 2016

"No princípio do mundo, no tempo em que todos caminhavam sem levar nada consigo, um urso detém-se junto a uma figueira decidido a comer o seu fruto preferido.
O urso observa os ramos, mas apercebe-se de que na figueira, escondido entre a folhagem, há apenas um figo ainda um pouco verde.
Quanto tempo levará este figo a ficar doce?” pergunta-se o urso.
Talvez um dia?”
E, muito confiante, senta-se, esperando pelo seu figo maduro.
Mas à volta da figueira esperam-no muitas peripécias...
Porque, para quem serão os figos afinal? Para quem passa?
Para quem os guarda? Para os mais fortes? Para os mais rápidos?
Ou para quem tem mais fome?"

Uma história com suspense e humor q.b. que vai agarrar os leitores
 (mesmo aqueles que não gostam de figos...).



Fonte: www.planetatangerina.com









(...)

Livros recomendados pelo Plano Nacional de Leitura

"Neste hino à natureza – sobretudo à partilha -, escrito por João Gomes de Abreu e ilustrado por Bernardo P. Carvalho, somos levados a penetrar numa selva colorida, cheia de recantos e esconderijos, que se revelam atrás da folhagem que a envolve."

Pedro Miguel Silva, blog Deus me Livro, 13/10/2016


"A patenteação de produtos agrícolas, até hoje “livres” e “naturais”, a privatização da água, a re-confirmação de fronteiras intransponíveis, a hierarquização de importâncias conforme o poder (económico, militar, social), e a relativização cultural de valores éticos que, sendo esgrimíveis, devem ser claros, são apenas alguns dos escolhos lançados na tempestade dos tempos contemporâneos. Uma pequena distância crítica e mecanismos ficcionais, mesmo que simples (mas não simplistas), é de uma utilidade extrema.
Que têm estes assuntos a ver com uma história de um urso com fome, que estaciona perto de uma figueira, esperando comer o figo que vai amadurecendo? Tudo."

Pedro Moura, blogue LER BD, Abril 2016


Obra disponível na rede de Bibliotecas do concelho de Arganil.
Boas Leituras!

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

"Os livros do Rei", uma história de David Machado

Os livros do Rei
Texto de David Machado e ilustrações de Gonçalo Viana.
Editado pela Alfaguara em 2017

Os Livros do Rei é um inventário da luz e esperança encerrados nos livros e da lucidez contida no sonho de uma criança. Os Livros do Rei é a história de um jovem príncipe que se vê obrigado a suceder ao seu pai quando este morre no grande terramoto que deitou a cidade abaixo. 
O rapaz fica com a importante mas ingrata tarefa de refazer uma cidade do zero. Além de grande leitor (foi graças aos livros que sobreviveu, pois tinha lido uma vez como actuar em caso de terramoto), o príncipe era um grande sonhador e inspirou-se nas histórias que tinha lido para projectar uma cidade onde todos pudessem viver, sobreviver, sonhar e ser felizes. Reuniu as melhores cabeças do reino para «construir casas com telhados da cor dos dias de sol» e «muralhas tão altas que chegassem tão longe quanto a imaginação de crianças».

Fonte: Wook


Livro disponível na rede de Bibliotecas do concelho de Arganil
Boas Leituras!

terça-feira, 7 de novembro de 2017

"O menino que detestava escovas de dentes", de Zehra Hicks

"O menino que detestava escovas de dentes"
Texto e lustração de Zehra Hicks
Editado pela Presença em 2011

Como praticamente todos os meninos na idade em que deveriam começar a ganhar o hábito de lavar os dentes, o Martim, o protagonista desta história detesta escovas de dentes. Já experimentou todas as escovas possíveis e imaginárias, a da mãe, do pai, às cores, com formas, mas continua sem escovar os dentes.
Mas um dia, o Martim recebeu a visita da fada dos dentes. Escusado será dizer que o presente da fada foi precisamente uma escova de dentes muito especial que iria pôr os dentes do Martim a brilhar. Será que depois disso o Martim vai passar a gostar de lavar os dentes?




Um livro didáctico e estimulante para crianças a partir dos 3 anos, que ajudará os pais a convencerem os filhos de como é tão importante lavar os dentes desde cedo.

Fonte: Wook


Livro recomendado pelo Plano Nacional de Leitura para Educação Pré-Escolar
Obra disponível na rede de Bibliotecas do concelho de Arganil
Boas Leituras!

segunda-feira, 6 de novembro de 2017

"A menina dos Livros" de Oliver Jeffers e Sam Winston


"A menina dos Livros"
Texto de Oliver Jeffers e ilustrações de Sam Winston
Editado pela Presença em2 017

"Uma menina atravessa um mar de palavras para chegar a casa de um menino. Ela convida-o para acompanhá-la numa aventura pelo mundo das histórias onde, com um pouco de imaginação, tudo pode acontecer."



«Desde o início, sabíamos que queríamos criar um conto que celebrasse o nosso amor pela literatura clássica infantil com um toque moderno. Para nós, tratou-se de capturar alguma da magia que acontece quando alguém se perde ao ler uma história intemporal, mas de um modo que os leitores ainda não tinham visto.» 

Oliver Jeffers e Sam Winston

Fonte: contracapa do livro




A Menina dos Livros é uma história com fantásticas ilustrações, 
vencedora do prestigiado prémio Bologna Ragazzi de 2017.

Obra disponível na rede de Bibliotecas do concelho de Arganil.
Boas Leituras!

sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Zé Pimpão, o “ Acelera” , um livro de José Jorge Letria


Zé Pimpão, o “ Acelera”
Texto de José Jorge Letria e ilustrações de André Letria
Editado pela Clube do Autor em 2017

Zé Pimpão gosta de exibir o seu novo carrito e, com ares de campeão, acelera a fundo. Para ele não há limites de velocidade nem regras a cumprir. É um herói da estrada até ao dia em que tudo acaba mal. E com a história deste “Acelera” aprendemos uma grande lição.

Este livro é para as crianças de hoje que serão os condutores de amanhã.
Com os versos de José Jorge Letria e as ilustrações de André Letria não esquecemos as regras de segurança no trânsito que fazem de Portugal um país mais seguro.

Fonte: contracapa do livo



"José Maria Pimpão 
Lá trocou o seu carrito
E, mesmo em segunda mão,
Parecia o último grito.

Cromou-lhe os pára-choques,
Pôs faróis de nevoeiro
E uma buzina estridente
De ensurdecer o parceiro.

No espelho retrovisor,
Pendurou uma mascote,
Uma bola e uma santinha,
Uma boneca com decote.


E pôs o escape a roncar
Como se fosse um leão
Ou não fosse aquele o carro
Do Zé Maria Pimpão."
Fonte: interior do livro


Livro recomendado pelo Plano Nacional de Leitura

Obra disponível na rede de Bibliotecas do concelho de Arganil
Boas Leituras!

terça-feira, 31 de outubro de 2017

"Babayaga", um livro de Marc Le Thanh


Babayaga
Texto de Marc Le Thanh e ilustrações de Rébecca Dautremer
Editado pela Educação Nacional em 2009

Baba Yaga tem só um dente. E foi provavelmente isso que a tornou tão malvada. Porque maldade, esta terrível Baba Yaga, tem para dar e vender!
Ogresa por vocação, não tem senão uma paixão: comer e, de preferência, crianças bem rechonchudas e gordinhas. Então, o que fazer quando se é uma rapariguinha da altura de três maçãs, encurralada no antro de Baba Yaga
Fonte. Contracapa do livro


Uma história hilariante de um conto tradicional russo.

E foi assim que a rapariguinha seguiu o caminho da floresta tenebrosa...
Migalhinha estremeceu e atravessou o portão que rangia.
Deu três batidas leves na porta e
Baba Yaga abriu.
(...)

"É inútil fugir, Migalhinha, não passssssssarás!"
(...)

... Uma floresta imensa e densa ergue-se então em frente à ogresa,
impedindo-a de apanhar a rapariguinha.
(...)
Fonte: interior do livro

Obra disponível na rede de Bibliotecas do concelho de Arganil
Boas Leituras!

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

"Um urso chamado Paddington", um livro de Michael Bond

Um urso chamado Paddington
Texto de Michael Bond e ilustrações de Peggy Fortnum
editado pela Presença em 2014


Datado de 1958, Um Urso Chamado Paddington é o primeiro livro da série das aventuras do urso que encantou várias gerações de crianças e adultos. Michael Bond conta-nos, no posfácio que acompanha a presente edição, a verdadeira origem de Paddington que começou por ser um ursinho de peluche. Em breve o brinquedo começaria a viver na imaginação do autor, dando origem a uma inesgotável sucessão de aventuras. 

Como personagem ficcional, a sua história começa na estação ferroviária de Paddington, em Londres, onde Mr. e Mrs. Brown o encontram acabado de chegar do longínquo Peru e acabam por decidir adotá-lo. Desde então, em casa dos Browns a vida mudou completamente, porque as coisas mais comuns tornam-se extraordinárias quando envolvem um ursinho chamado Paddington.

Fonte: Badana do livro


«O desastrado urso de Michael Bond tornou-se um dos heróis
mais populares da literatura infantil.»

The Bookseller


Livro disponível na rede de Bibliotecas do concelho de Arganil
Boas leituras!

sábado, 28 de outubro de 2017

"A cidade que queria viver no campo" de Pedro Seromenho


"A cidade que queria viver no campo"
Texto e ilustrações de Pedro Seromenho
Editado pela Paleta de Letras em 2016


Ela nasceu casinha. E sempre que a primavera a visitava, o seu regaço florescia.
Mas quando as pessoas chegaram, a saia verde que ela vestia começou a transformar-se. 
As casas espreguiçaram-se, as ruas alargaram-se e as janelas entreabriram-se com o sopro das histórias que moravam dentro.
Numa das janelas havia um menino que passava as tardes inteiras a conversar com a sua amiga. Até ao dia em que ele teve de partir.

Fonte: contracapa do livro

Ilustrações de Pedro Seromenho


O Autor: Pedro Seromenho

Pedro Seromenho Rocha, de nacionalidade portuguesa, nasceu sob a constelação de gémeos em 1975, na cidade de Salisbúria (Harare), República do Zimbabué. Com apenas dois anos de idade fixou-se em Tavira e mais tarde em Braga, onde actualmente reside. Embora formado em Economia, Pedro Seromenho dedica-se inteiramente a escrever e a ilustrar livros para várias editoras nacionais e brasileiras.






Obra disponível na rede de Bibliotecas do concelho de Arganil
Boas leituras!

"Porque é que os animais não conduzem?" de Pedro Seromenho

"Porque é que os animais não conduzem?"
Texto e ilustrações de Pedro Seromenho
editado pela Paleta de Letras em 2011

Queres saber porque é que o dinossauro, a toupeira, o papagaio e muitas outras criaturas não podem conduzir?!
Então entra neste livro e deixa-te guiar por um mundo divertido de animais que parecem pessoas reais. Sem regras nem sinais as estradas são uma selva e os perigos muitos mais.
Boa viagem... em segurança!
Fonte: http://paletadeletras.pt 


Começa assim:

"Certo dia estava em casa doente e vi...
... o meu gato a brincar com um carrinho de linhas.

Foi então que me perguntei...

Porque é que os animais não conduzem?



E a lenta tartaruga...
... porque entope as auto-estradas!


E a preguiça...
... porque adormece ao volante!


(...)

(...)


(...)
Fonte: interior do livro


Livro recomendado pelo Plano Nacional de Leitura para o 2º ano de escolaridade

Obra disponível na rede de Bibliotecas Públicas do concelho de Arganil
Boas leituras!

"Maria Botelha: a garrafa aventureira" de Pedro Seromenho

"Maria Botelha: a garrafa aventureira"
Texto e ilustrações de Pedro Seromenho
Editado pela Paleta de Letras em 

Era uma vez uma garrafa partida no coração que se chamava Maria Botelha. Sentia-se velha, cansada e vazia até que, um dia, alguém pegou nela e levou-a até um vidrão. 
Assim começa a sua viagem pelo mundo da reciclagem onde fica a conhecer a Rita Cola, a Rosa Cheirosa e o Zé Tinto. 
Esta será uma aventura inesquecível!
Fonte: contracapa do livro


(...)
Assim que a largou, a garrafinha caiu veloz e rodopiou em cambalhotas
 e piruetas, como se descesse num escorrega!
(...)
O Mário já não se sentia sozinho.
Estava rodeado de peixes com os quais podia conversar.
(...)


Fonte: interior do livro

Obra disponível na rede de Bibliotecas Públicas do concelho de Arganil
Boas leituras!

sexta-feira, 27 de outubro de 2017

Teatro na Biblioteca Municipal com formandos do curso de Auxiliares de Cozinha

Orelhas de Borboleta de Luísa Aguilar e André Neves:
Uma História cheia de grandes histórias! 


Projeto proposto pela Formação Profissional da APPACDM de Arganil, curso de Auxiliares de Cozinha, no âmbito da Unidade Competência Base, Linguagem e Comunicação Cidadania, em parceria e apoio da Biblioteca Municipal Miguel Torga de Arganil, na pessoa da Dra. Rita, a qual agradecemos desde já, todo o apoio incondicional que nos deu.

Mais que contar uma história, esta iniciativa insere-se no projeto de raiz da própria formação profissional da APPACDM – Participação efetiva na vida comunitária dos nossos formandos, para uma verdadeira inclusão social, e posterior integração no mercado de trabalho.

DIGNIFICAR através do reconhecimento e desenvolvimento de competências, a plena integração social, política, cultural, Consegue-se com maior sucesso, através do estabelecimento de parcerias, como esta! Sensibilizando serviços, organismos e sociedade em geral, para uma crescente democratização no acesso a estes.

Agradecemos também ao Pré-Escolar- Casa da criança de Arganil, que nos ajudaram, com a sua participação, nesta nossa missão. Um bem haja também!

A Formadora, Maria João Alves 
Formandos: Ana, Helena, Margarida, Tânia e Sónia 


Aqui ficam alguns momentos para recordar:

Apresentação da peça de teatro baseada na história "Orelhas de Borboleta"



 

Conversa com as crianças acerca da história



Os Formandos:




 

A Formadora: Dra Maria João Alves


 A seguir à peça de teatro, as crianças foram convidadas a elaborarem um desenho sobre a história: 



















E no final,  fotografias de grupo para mais tarde recordar...
 
 


 Os desenhos estão expostos na Sala Infantil e Juvenil: uma exposição a visitar!


Uma manhã recheada de aventura, muita imaginação e criatividade.
Obrigada a todos por estes momentos tão especiais!

Boas Leituras!